Dia Nacional da Luta da Pessoa com Deficiência: Secult e equipamentos culturais realizam programação especial

Com o objetivo de conscientizar sobre a importância do desenvolvimento de meios de inclusão das pessoas com deficiência na sociedade, é celebrado em cada 21 de setembro o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência. Criada há 30 anos, a data também marca os 30 anos da Lei de Cotas.


No Ceará, são inúmeras as ações que fortalecem a luta das PCDs e, desde 2015, a acessibilidade nos espaços de arte e cultura tem ganhado relevância com as políticas da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará) e da sua Rede Equipamentos.

Como foco estão ações de cultura acessível, acompanhadas pela Coordenadoria de Cidadania e Diversidade Cultural e do Grupo de Trabalho em Acessibilidade Cultural, criado em 2016. A ampliada atuação junto aos equipamentos culturais, nas programações por eles desenvolvidas e em processos de formação, potencializou a acessibilidade dentro da política cultural do estado do Ceará.

Algumas ações que antecederam esta data integram hoje esta política, como é o caso do Projeto Acesso, elaborado e desenvolvido pelo Museu da Cultura Cearense, com projeção nacional e iniciado em outubro de 2006. O Museu Sacro São José de Ribamar, em Aquiraz, também dispõe de acessibilidade, com a modernização permitida pelo Programa Caixa de Apoio ao Patrimônio Cultural Brasileiro, entre 2010 e 2014. Outro marco é a criação do Setor Braille da Biblioteca Pública Estadual, que desde 1981 vem promovendo a inclusão das pessoas com deficiência no campo do livro e da leitura.

De acordo com a, coordenadora de Artes e Cidadania da Secult, Valéria Cordeiro, esse trabalho de promover a acessibilidade nos espaços de arte e cultura foi iniciado levando em conta a premissa “Nada sobre nós, sem nós”. Essa foi a base da cumplicidade de uma construção e elaboração conjunta com os membros do Grupo de Trabalho.

“A partir daí elaboramos um planejamento que vem se ampliando, tomando corpo e proporções de uma política cultural que se estabelece passo a passo. Essa é uma bandeira que a Rede de Equipamentos da Secult entende como uma política integrada, que vai desde o compromisso com a formação de seus agentes para um acolhimento afetivo e consciente passando por uma comunicação acessível, oportunidades de acesso para criação, fruição de todas as pessoas e cotas definidas nos editais. A isso chamamos de Cultura do Acesso. Aprendemos juntos!”, destaca a coordenadora.

Com a criação do GT em Acessibilidade Cultural, foi iniciada a elaboração e planejamento de ações específicas no sentido de desenvolver atividades que envolvessem os diversos agentes internos e externos ligados ao tema.

Programação especial nos equipamentos

Dragão do Mar

A fim de promover a conscientização sobre a importância da acessibilidade nos espaços de arte e cultura, entre 21 a 26 de setembro, o Centro Dragão do Mar, equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, gerido em parceria com o Instituto Dragão do Mar, traz uma programação virtual em sua maior parte protagonizada por pessoas com deficiência. As ações virtuais serão transmitidas nos canais do Dragão do Mar (youtube.com/dragaodomarcentro) e da Secult-CE no YouTube (youtube.com/SecultCearaGov).

Abrindo a programação, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura realiza os encontros virtuais “Protagonismos DEF na Cena Cearense”, quando quatro artistas da cena cearense com deficiência intercambiam suas vivências, criações, pesquisas e experiências. Na terça-feira (21), a conversa será com a atriz, produtora, diretora e dramaturgista Jéssica Teixeira e o artista, performer, educador e escritor João Paulo Lima. Na quarta-feira (22), a convidada será a atriz Zizi Telécio. Os bate-papos serão mediados pelo multiartista Gustavo Portela, com transmissão ao vivo, a partir das 15h, no YouTube do Dragão, e serão acessíveis em Libras.

Ainda nestes dias, o Museu da Cultura Cearense (MCC), por meio do projeto Acesso, também realizará duas lives com pessoas surdas para debater o tema “Vivendo De Lutas: Direito, Visibilidade e Expressão nas Comunidades Surdas”. Na quarta (22), às 18h, no canal da Secult-CE no YouTube, a professora, educadora, produtora em eventos acessíveis, contadora de histórias, e tradutora/intérprete Lara Gomes e o arte educador e professor Cleyton Santos conversarão sobre suas experiências pessoais, acadêmicas e profissionais. Na quinta (23), no mesmo horário e local, Cleyton Santos recebe Matheus Oliveira, estudante de Medicina na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), para um bate-papo sobre as suas vivências na universidade pública. As conversas em Libras, com tradução para o Português, compõem a programação do Museu na 15ª Primavera dos Museus, temporada cultural nacional realizada pelo Instituto Brasileiro dos Museus (IBRAM), que este ano mobiliza museus de todo o país a realizarem atividades em torno do tema: “Museus – perdas e recomeços”.

É importante formar, desde cedo, cidadãos conscientes sobre a diversidade de corpos e a importância da inclusão social. Pensando nisso, o Dragão das Crianças celebra a cultura e a identidade surdas no Brasil, no Dia Nacional do Surdo, no domingo (26), com a oficina “Pintando os Sinais”, que será ministrada pela pedagoga e pesquisadora Cris Soares e pelo educador e intérprete da Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) Vinícius Scheffer, que integram a Art! em Libras. A oficina colaborativa introduzirá as crianças, sejam surdas ou ouvintes, nos sinais iconográficos da LIBRAS a partir da pintura.

Serviço: Programação do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura alusiva ao Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência

Data: Entre 21 e 26 de setembro de 2021

Horários diversos

Ações virtuais no Youtube do Dragão (youtube.com/dragaodomarcentro) e da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (youtube.com/SecultCearaGov)

Acompanhe mais informações sobre a programação no site www.dragaodomar.org.br

Vila da Música

A Vila da Música Monsenhor Ágio Augusto Moreira, equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará), gerida em parceria com o Instituto Dragão do Mar (IDM), realiza de até 30 de setembro, sempre às 19h, a programação online temática “Setembro Inclusivo – A cultura como direito e dever”, que busca dialogar sobre questões importantes que envolvem as políticas públicas e as práticas de inclusão e acessibilidade para pessoas com deficiência no âmbito dos espaços públicos e de cultura no Ceará.

A programação contará com as seguintes lives temáticas: “A Arte da Palavra e a Palavra da Arte” (22/09) com Klístenes Braga (audiodescritor e consultor em acessibilidade do Grupo Bandeira das Artes), Bruna Leão (coordenadora de Cooperação com os Municípios para Desenvolvimento da Aprendizagem na Idade Certa) e Rebecca Barroso (consultora em Audiodescrição em formação pelo grupo de pesquisa Legendagem e Audiodescrição (LEAD); e “Educação musical inclusiva para pessoas com deficiência visual” (23/09), com o professor Jonatas Sousa (mestrando do Programa de Pós-graduação em Artes do Instituto Federal do Ceará e Jefferson Araújo (aluno curso de música da UFCA.).

Nesta terça-feira (21) será exibido o documentário “História do Movimento Político das Pessoas com Deficiência no Brasil”, uma produção da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência com  direção de Aluizio Salles Jr.

No dia Nacional do Rádio, dia 24 de setembro, acontece uma live especial com o jornalista e radialista Nelson Augusto (Universitária FM) com o tema “Na frequência do seu rádio: histórias de ouvir e viver”. No dia 25 de setembro o cantor e compositor Dudé Casado faz uma live especial reunindo composições suas e de parceiros que marcaram a sua trajetória musical. Já no dia 28 de setembro será a exibição do filme “Janela da Alma” com direção de João Jardim e Walter Carvalho. Encerrando a programação do mês acontece, no dia 30 desetembro, um concerto especial com Camerata Ágio Augusto Moreira de Violões.

Toda programação contará com tradução e intérprete de libras.

Serviço: Setembro Inclusivo – A cultura como direito e dever.

Até a 30 de setembro – 19h

Nas redes sociais da Vila da Música: Instagram @viladamusicace e Canal do YouTube Vila da Música: https://bityli.com/tIooiu.

Centro Cultural Bom Jardim

O CCBJ vem com uma ação cultural dentro da programação da Escola de Cultura e Artes CCBJ. Trata-se do “Aulão de Abertura dos Cursos Básicos da ECA/CCBJ”, que irá abordar a luta da pessoa com deficiência e o Dia Nacional dos Surdos. A live acontecerá no canal do CCBJ no YouTube, no dia 21 de setembro, às 18h. Acompanhe em: https://youtu.be/d5aFIrl_oxA

Para saber mais sobre o evento e os convidados e convidadas, acesse: https://bit.ly/AberturaCursosBasicosCCBJ

Imagem padrão
NCTDS
Artigos: 474

Deixar uma resposta