Secult Ceará abre inscrições para o XV Edital Ceará Ciclo Carnavalesco 2022

Compartilhe nas redes

Homenageando Descartes Gadelha, o edital terá inscrições online de 29/11 a 14/12, pelo site editais.cultura.ce.gov.br.

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará) abre, nesta segunda-feira (29/11), as inscrições para o XV Edital Ceará Ciclo Carnavalesco – 2022. Esta é uma ação consolidada da política de Patrimônio Cultural para o fomento de bens, produtos e serviços relacionados às manifestações populares do Ciclo Carnavalesco das várias regiões do Estado do Ceará. As inscrições são online e gratuitas, pelo site de editais da Secult Ceará: www.editais.cultura.ce.gov.br.

Na sua décima quinta edição, o Edital Ceará Ciclo Carnavalesco se constitui como uma ação continuada de fomento à valorização de grupos e manifestações próprias do ciclo carnavalesco como: bailes/matinês, bandas de música, maracatus, afoxés, blocos, escolas de samba e cordões.

Dessa forma, o Edital tem apoiado a preservação de vários grupos e manifestações da cultura tradicional popular, contribuindo de maneira efetiva na transmissão de saberes e fazeres entre gerações, estabelecendo sociabilidades entre mestres/mestras e aprendizes e na formação de novos brincantes, além de ampliar e democratizar o acesso a bens e serviços culturais para a população em geral.

As ações desta edição deverão ser realizadas de forma presencial, virtual ou híbrida, respeitando os protocolos de segurança vigentes. Se no período Carnavalesco de 2022, que compreende os dias 01 a 02 de março, houver alguma determinação do Governo do Estado do Ceará que inviabilize a realização das ações previstas no formato presencial contempladas por este edital, a Secult convocará os selecionados para ajustar a execução do projeto para o meio virtual.

De acordo com Cristina Holanda, responsável pela Coordenação de Patrimônio Cultural e Memória da Secult Ceará, na qual o edital é organizado, “apesar das dificuldades impostas no cenário da pandemia do coronavírus, a Secretaria da Cultura do Estado manteve o seu compromisso de apoiar as manifestações populares que integram o patrimônio cultural cearense, como as do Carnaval, reajustando os valores financeiros do edital em 5% e prevendo a modalidade híbrida e virtual das atividades”, destaca a coordenadora.

CATEGORIAS CONTEMPLADAS

Serão contempladas as seguintes categorias:

I – Bailes e Matinês;
II – Bandas de Música
III – Maracatus;
IV – Escolas de Samba;
V – Blocos;
VI – Cordões;
VII – Afoxés;

VALOR DO REPASSE

O Edital prevê R$ 1.180.000,00, sendo R$ 180.000,00 para apoio aos projetos selecionados na categoria Bailes e Matinês, R$ 108.000,00 para categoria Banda de Músicas, R$ 432.000,00 para categoria Maracatus, R$ 66.000,00 para categoria Afoxés, R$ 44.000,00 para categoria Cordões, R$ 240.000,00 para categoria Escolas de Samba, R$ 110.000,00 para Categoria Blocos .

PERÍODO DE INSCRIÇÃO

Inscrições : 29/11 a 14/12/2021

HOMENAGEADO DESCARTES GADELHA

Neste ano, o Edital homenageia o desenhista, pintor, escultor, músico e luthier, Descartes Gadelha, nascido em Fortaleza, no dia 18 de julho de 1943. Sua produção imagética está relacionada aos temas e personalidades da cultura popular do Ceará e do Nordeste. Fez, ao longo de sua carreira, inúmeras exposições e curadorias, em âmbito nacional e internacional. Parte considerável do acervo que produziu encontra-se no Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará, entre outras instituições. Nessa universidade, recebeu o título de Doutor Honoris Causa.

Descartes contribuiu para o desenvolvimento de vários maracatus no Ceará, não apenas como brincante, mas na elaboração de loas, produção de cenários, figurinos e adereços, na condução dos percussionistas nos ensaios, apresentações e cortejos. Sua pesquisa sobre o Balanceio marcou inovações que unem tradição e contemporaneidade. Introduziu o xequerê e o timbal na cadência tradicional do maracatu cearense, aliando a dolência e as síncopes aos andamentos contagiantes da célula rítmica, tornando-a ainda mais dançante.

Suas loas emblemáticas e premiadas nos reportam aos aspectos históricos e culturais dos povos africanos formadores do Ceará. Descartes é também luthier dos tambores usados por muitos grupos, especialmente os localizados nas periferias. Faz todo o percurso criativo dentro das agremiações carnavalescas. É um artista pleno, cuja maestria produz importante legado e intensa transmissão de saberes. Sua verve artística inquieta e cativa a todos que dele se aproximam, criando muitos amigos e discípulos.

Por tudo isto é reconhecido como um dos nomes mais importantes do cenário carnavalesco, que além dos maracatus inclui ainda afoxés, escolas de samba e cordões de todo Estado.

Mais informações sobre o edital:

(85) 3101-6770
editalcarnaval@secult.ce.gov.br

Suporte do Mapa cultural:
http://bit.ly/mapacultural-ceara-suporte

Compartilhe nas redes

Deixar uma resposta