Novo lote de Pfizer no Ceará viabilizará imunização de grávidas e puérperas no Interior

Texto: Daniel Herculano- Ascom Casa Civil
Fotos: Tiago Stille

Ao todo, aplicação deste imunizante deve alcançar 19 cidades cearenses
 

O Ceará acaba de receber na noite desta quarta-feira (26) novo lote de vacinas contra Covid-19, com 24.570 doses da Pfizer/BioNTech, de acordo com relatório enviado pelo Ministério da Saúde. Ele viabilizará que a aplicação deste imunizante em grávidas e puérperas alcance 19 municípios cearenses.

Pelas redes sociais, o governador Camilo Santana ressaltou a importância de se continuar vacinando todos os cearenses. “Recebemos há pouco 24.570 doses da vacina da Pfizer. Seguimos firmes na busca por mais vacinas para a imunização dos cearenses. Até o momento 2.586.686 doses foram aplicadas em todo o Estado”, postou.

Seguindo as orientações do Programa Nacional de Imunizações (PNI), este lote será destinado à aplicação de primeira dose. O agendamento da vacinação é de responsabilidade de cada um dos municípios.

RMF e Interior terão vacina Pfizer para imunizar grávidas e puérperas

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), recapitula que, por recomendação do Ministério da Saúde, as primeiras distribuições da vacina Pfizer contra a Covid-19 foram destinadas às capitais. No entanto, a partir da publicação do Ofício Circular Nº 128/2021/SVS/MS, a expansão da vacina acontece de forma gradativa a outros municípios, seguindo critérios estabelecidos para essa finalidade. As doses da Pfizer nas cidades do Interior devem ser destinadas aos grupos prioritários de gestantes e puérperas.

Desde a conclusão da última distribuição de Pfizer realizada ao município de Fortaleza, a Sesa iniciou a ampliação da distribuição do imunizante utilizando o saldo remanescente para atender aos municípios elegíveis, contemplando Aquiraz, Eusébio, Horizonte e Sobral. Com a chegada de nova remessa de vacina da Pfizer, o intuito do Estado é estender o número de municípios beneficiados, sempre de forma proporcional. A lista de municípios elegíveis, que devem ser contemplados com doses deste lote, inclui, além da Capital, as seguintes cidades: Acaraú, Aracati, Barbalha, Baturité, Brejo Santo, Camocim, Crato, Juazeiro do Norte, Iguatu, Itapipoca, Limoeiro do Norte, Maracanaú, Russas e Tianguá.

Os municípios só são considerados aptos a realizar a imunização com doses de Pfizer, que requerem acondicionamento e manejos específicos, após rigorosa análise de critérios de armazenamento e distribuição, incluindo visitas técnicas. A logística é capitaneada pela Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadim). Equipes dos municípios elegíveis receberam treinamento da Sesa para estarem habilitadas a executar manuseio, transporte e aplicação do imunizante. O transporte para as cidades fora da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) é feito por aeronaves do Estado, nas rotas de distribuição já consolidadas desde o início da vacinação.

Das 26 cidades que manifestaram interesse em atuar com doses de Pfizer, segundo pactuação na Comissão Intergestores Bipartite (CIB – 55/2021), ainda precisam de adequação de estrutura e logística (em nível de instância local), os municípios de Caucaia, Canindé, Crateús, Itaitinga, Icó, Quixadá e Tauá.

Vacinômetro

O Vacinômetro da Sesa registrou, até as 17 horas da última terça-feira (25), a aplicação de 2.586.686 doses de vacinas contra a Covid-19 distribuídas por todo o território cearense, sendo 1.611.965 como primeira dose (D1) e 974.721 como segunda dose (D2).

Deixar uma resposta