FIQUEI PRA TITIA!

Compartilhe nas redes

Fiquei pra titia, e daí? O povo trata as “titias” como amargas e solitárias, mas pelo contrário, mulheres que optaram por não casar (no meu caso, foi porque ninguém me quis mesmo kkkk) não ter filhos investem todo o carinho e grande parte do tempo e da renda com os sobrinhos. Eu adoro meus sobrinhos, tanto os de sangue quanto os que me “visitam” periodicamente, são tudo para mim… Se um espirra, eu me preocupo, se viajam e não ligam, eu nem durmo. Aí se alguém fizer alguma coisa contra os meus sobrinhos vai se ver comigo porque eu não sou juma marruá, mas eu viro uma onça.

Preconceito ainda atinge quem opta por não ter filhos ou não casar. Eu não sofri pressão da família e de amigos por isso, mas o preconceito contra a mulher que não teve filhos e não casou ainda existe. Existe esse tabu, fruto de um machismo, como se a mulher não pudesse se realizar sem a maternidade, sem um marido, como se o sentimento de proteção, de cuidado, não pudesse existir a não ser por um filho. Os tempos são outros, meu povo, a dedicação das tias as vezes são bem maiores que a dos pais, muitas educam e até custeiam os estudos dos sobrinhos, isso é uma prova de que os laços de afetividade são tão fortes quanto os estabelecidos entre mãe e filho. E com os paqueras também… Eu faço carreira solo com participações de “sobrinhos especiais” e eu amo… Sou bem resolvida com isso, mas o preconceito é grande e eu mando os preconceituosos se lascarem… (tô nem aí).

As titias muitas vezes estão nas novelas, no cinema, e geralmente retratadas como amargas, solitárias e fiscais da vida alheia. Mas hoje no mundo real as titias são muito bem resolvidas, afetuosas e têm uma rotina social tão ou mais intensa do que as mulheres que casaram e tiveram filhos. As mulheres que hoje estão na casa dos 60 anos e que decidiram, décadas atrás, não casar de não terem filhos e investir na relação com os sobrinhos, são o oposto da “tia solteirona” que ainda persiste no imaginário popular. Ficaram para titia, e daí? Qual é o problema? Pois eu amo ser titita, sou feliz assim e pronto! Não existe regras, pode não ter se casado por opção, por que ninguém quis mesmo que é o meu caso e pronto… Vamos ser feliz!

Siga Aurineide Camurupim no Instagram: https://www.instagram.com/aurineidecamurupim/

Compartilhe nas redes
Imagem padrão
Aurineide Camurupim

Humorista há mais de 27 anos com participações em diversos programas de TV de rede nacional. Viaja por todo o país com seus shows levando alegria por onde passa.

Artigos: 13

Deixar uma resposta