8 Anos sem Picolina

Se falar Igor Albino ninguém saberia quem é, mas se falar Picolina todo mundo vai saber…

Figura divertida, carismática que encantou todo o Ceará e todo o Brasil com seu jeito simples de fazer humor. Irreverente, fazia as pessoas rirem só de olhar para ela, sem precisar de textos elaborados ou muita produção. Todo mundo gostava de Picolina, onde ela chegava era só alegria…

Descoberta na rua, no centro da cidade por Aurineide Camurupim em 2005 que viu que Igor poderia fazer as pessoas rirem e o chamou para trabalhar com humor, coisa que ele nem imaginaria, pois quando Luís Antônio interprete de Aurineide Camurupim o conheceu ele trabalhava fazendo faxina nos condomínios. Então, Igor conheceu o “meio” do humor através de Luís que o ensinou tudo. Era sua única referencia no humor e foi um sucesso.

Picolina passou a ser conhecida pelo grande público. Luís criou muitos números para o show de Aurineide Camurupim com a participação de Picolina. Viajaram muito pelo interior do estado e pelo país. Picolina fez tanto sucesso que chamou a atenção da TV Jangadeiro e do programa Show do Tom, de Tom Cavalcante onde foi trabalhar e era presença constante nos programas dele.

Nos shows com Aurineide Camurupim, teve um número que fez muito sucesso, onde interpretava um Quati ao som de uma parória de Aurineide. Igor era muito divertido, alegre, criativo e hoje é o mais lembrado.

Mas uma triste fatalidade aconteceu no dia 15 de maio de 2013, Picolina foi assassinada, deixou o humor cearense mais triste, uma tragédia que foi deixada de lado… 8 anos sem a alegria da Picolina e queremos deixar esse video em forma de homenagem e também uma forma de nunca esquecer da alegria que era PICOLINA.

https://youtu.be/7dv4YGKWjsw

Deixar uma resposta